O que é a cirurgia ortognática

É a cirurgia realizada para corrigir a posição e tamanho dos maxilares com o objetivo de melhorar a oclusão, a mastigação, a fala e a respiração. Pacientes com dores na articulação temporomandibular (ATM) também são beneficiados. Em alguns casos, o principal objetivo é a melhora da aparência estética. 

Tipos de alterações ósseas e suas correções  cirúrgicas
A CIRURGIA ORTOGNÁTICA é uma técnica cirúrgica é indicada para vários tipos de anomalias ósseas, desde crescimentos deficientes a exagerados, em todos os sentidos. Para que possa ser realizada, após a diagnóstico da condição do paciente, várias avaliações e exames são feitas para planejar a melhor forma de tratamento. Na criança, normalmente tenta-se corrigir o problema com o uso de aparelhos ortodônticos e ortopédicos que atuem também no crescimento ósseo. Porém, quando o portador da anomalia for esqueleticamente maduro, o tratamento ortodôntico isolado não será suficiente para a correção, porque o processo de crescimento da face já terá se encerrado. Nesses casos,  a cirurgia ortognática será necessária para a correção completa e correta do problema.

PADRÃO FACIAL 2 

- Mandíbula muito pequena

- Queixo para trás

- Nariz muito grande

- Dificuldade de respirar pelo nariz

- Acúmulo tecidual submentoniano (papada)

A CIRURGIA ORTOGNÁTICA é uma técnica cirúrgica é indicada para vários tipos de anomalias ósseas, desde crescimentos deficientes a exagerados, em todos os sentidos. Para que possa ser realizada, após a diagnóstico da condição do paciente, várias avaliações e exames são feitas para planejar a melhor forma de tratamento. Na criança, normalmente tenta-se corrigir o problema com o uso de aparelhos ortodônticos e ortopédicos que atuem também no crescimento ósseo. Porém, quando o portador da anomalia for esqueleticamente maduro, o tratamento ortodôntico isolado não será suficiente para a correção, porque o processo de crescimento da face já terá se encerrado. Nesses casos,  a cirurgia ortognática será necessária para a correção completa e correta do problema.
 A CIRURGIA ORTOGNÁTICA é uma técnica cirúrgica é indicada para vários tipos de anomalias ósseas, desde crescimentos deficientes a exagerados, em todos os sentidos. Para que possa ser realizada, após a diagnóstico da condição do paciente, várias avaliações e exames são feitas para planejar a melhor forma de tratamento. Na criança, normalmente tenta-se corrigir o problema com o uso de aparelhos ortodônticos e ortopédicos que atuem também no crescimento ósseo. Porém, quando o portador da anomalia for esqueleticamente maduro, o tratamento ortodôntico isolado não será suficiente para a correção, porque o processo de crescimento da face já terá se encerrado. Nesses casos,  a cirurgia ortognática será necessária para a correção completa e correta do problema.ATRESIA TRANSVERSAL DA MAXILA - Principais características:​ mordida cruzada posterior uni ou bilateral, palato profundo, dificuldade em respirar pelo nariz, respiração bucal e ronco.

FACE LONGA 

- Sorriso gengival

- Incompetência labial (não fecha os lábios)

- Mordida aberta anterior

ATRESIA TRANSVERSAL DA MAXILA 

- Mordida cruzada posterior uni ou bilateral

- Palato profundo,

- Dificuldade em respirar pelo nariz

- Respiração bucal e ronco.

A CIRURGIA ORTOGNÁTICA é uma técnica cirúrgica é indicada para vários tipos de anomalias ósseas, desde crescimentos deficientes a exagerados, em todos os sentidos. Para que possa ser realizada, após a diagnóstico da condição do paciente, várias avaliações e exames são feitas para planejar a melhor forma de tratamento. Na criança, normalmente tenta-se corrigir o problema com o uso de aparelhos ortodônticos e ortopédicos que atuem também no crescimento ósseo. Porém, quando o portador da anomalia for esqueleticamente maduro, o tratamento ortodôntico isolado não será suficiente para a correção, porque o processo de crescimento da face já terá se encerrado. Nesses casos,  a cirurgia ortognática será necessária para a correção completa e correta do problema.

PADRÃO FACIAL 3 

- Mandíbula muito grande

- Queixo para frente

- Rosto afundado

- Nariz muito grande 

 A CIRURGIA ORTOGNÁTICA é uma técnica cirúrgica é indicada para vários tipos de anomalias ósseas, desde crescimentos deficientes a exagerados, em todos os sentidos. Para que possa ser realizada, após a diagnóstico da condição do paciente, várias avaliações e exames são feitas para planejar a melhor forma de tratamento. Na criança, normalmente tenta-se corrigir o problema com o uso de aparelhos ortodônticos e ortopédicos que atuem também no crescimento ósseo. Porém, quando o portador da anomalia for esqueleticamente maduro, o tratamento ortodôntico isolado não será suficiente para a correção, porque o processo de crescimento da face já terá se encerrado. Nesses casos,  a cirurgia ortognática será necessária para a correção completa e correta do problema.

ASSIMETRIA FACIAL 

- Rosto torto

- Queixo desviado

- Dificuldade de mastigação 

 A CIRURGIA ORTOGNÁTICA é uma técnica cirúrgica é indicada para vários tipos de anomalias ósseas, desde crescimentos deficientes a exagerados, em todos os sentidos. Para que possa ser realizada, após a diagnóstico da condição do paciente, várias avaliações e exames são feitas para planejar a melhor forma de tratamento. Na criança, normalmente tenta-se corrigir o problema com o uso de aparelhos ortodônticos e ortopédicos que atuem também no crescimento ósseo. Porém, quando o portador da anomalia for esqueleticamente maduro, o tratamento ortodôntico isolado não será suficiente para a correção, porque o processo de crescimento da face já terá se encerrado. Nesses casos,  a cirurgia ortognática será necessária para a correção completa e correta do problema.PADRÃO FACIAL 2 COM APNEIA DO SONO - Principais características:​ Mandíbula pequena, queixo para trás, dificuldade de respirar pelo nariz, ronco e apneia.

PADRÃO FACIAL 2 COM APNEIA DO SONO 

- Mandíbula muito pequena

- Dificuldade de respirar pelo nariz

- Ronco

- Apneia

Cirurgia ortognática e as fases do tratamento

1. Fase pré-cirúrgica:

Nessa fase o paciente passará por um preparo ortodôntico com um especialista em ortodontia cuja duração vai variar de acordo com situação de cada paciente. Através do uso de aparelho, fará o alinhamento e nivelamento dos dentes, sem se importar com a alteração óssea em si, que será corrigida com a cirurgia ortognática. 

2. Fase cirúrgica:

Cirurgia ortognática para corrigir a posição óssea dos maxilares.

3. Fase de finalização ortodôntica:

Nessa fase o (a) ortodontista procederá à finalização do tratamento ortodôntico, fazendo os ajustes finais necessários. Finalizada a ortodontia, se procederá com a retirada do aparelho ortodôntico.

Características da cirurgia ortognática

- Quem realiza é o cirurgião bucomaxilofacial

- É sempre realizada no hospital sob anestesia geral

- Necessita de um ou dois dias de internação 

- Os acessos cirúrgicos (cortes) são todos por dentro da boca

- A cirurgia ortognática demora em média de 3 a 4 horas

- O paciente necessita em média de 7 dias para retorno de suas atividades normais após a cirurgia ortognática 

Técnica cirúrgica atraumática (menor trauma possível) realizada pelo Dr. Luis Pagotto

Durante a cirurgia ortognática realiza-se cortes ósseos (osteotomias) nos maxilares, feitos delicadamente com lâminas para MOTOR PIEZO que causam MENOR TRAUMA aos tecidos envolvidos na cirurgia, reduzindo edema, sangramento e dor.  Um artigo científico de revisão sistemática comparando  a utilização do motor piezo com motores que utilizam serras normais, publicado pelo Dr. Luis Pagotto e colaboradores, em uma das mais conceituadas revistas científicas do mundo na especialidade, comprova as vantagens dessa técnica. 

Motor Piezo de última geração utilizado pelo Dr. Luis Pagotto nas cirurgias ortognáticas dos pacientes

PIEZOELECTRIC VERSUS CONVENTIONAL TECHNIQUES FOR ORTHOGNATHIC SURGERY: SYSTEMATIC REVIEW AND META-ANALYSIS.
Cirurgia ortognática no tratamento da apneia do sono  

Apneia obstrutiva do sono é uma parada respiratória provocada pelo fechamento das paredes da faringe. O distúrbio ocorre principalmente enquanto a pessoa está dormindo e roncando. Para ser mais exato, durante as crises, ela para de roncar por causa do bloqueio da passagem de ar pela faringe. A repetição dos episódios de apneia tem como consequência a menor oxigenação do sangue, o que pode provocar danos ao organismo.

Os ossos da face sustentam as vias aéreas através das quais respiramos. Quando os ossos da face não estão alinhado adequadamente, as vias aéreas podem entrar em colapso durante o sono e causar ronco, sono interrompido e apneia obstrutiva do sono. A cirurgia ortognática restaura a posição correta dos ossos e expande consideravelmente as vias aéreas. De fato, a cirurgia ortognática é a intervenção de maior sucesso disponível no tratamento da apneia obstrutiva do sono.

Aumento do volume da passagem do ar (cor rosa) após cirúrgia ortognática

Planejamento Virtual em Cirurgia Ortognática

 A evolução dos conceitos envolvidos no diagnóstico e plano de tratamento em cirurgia ortognática tem sido imensurável. As metas para o tratamento dos pacientes tornaram-se mais amplas, levando ao desenvolvimento de novos instrumentos de diagnóstico. Dentre eles, destaca-se o planejamento cirúrgico digital, o qual proporciona maior previsibilidade e padronização de toda sequência clínica, além de ser um método extremamente preciso. Considerando a análise clínica soberana e imprescindível ao planejamento de sucesso, eu executo o tratamento das deformidades dentofaciais seguindo as linhas mais modernas em termos de análise facial e planejamento cirúrgico digital (DOLPHIN IMAGING).

Entre em contato conosco
Gostaria de agendar uma consulta ou tirar alguma dúvida? Preencha o formulário com todos os dados que entramos em contato o mais breve possível.

Cirurgia ortognática

  • Branco Facebook Ícone
  • White LinkedIn Icon
  • Branca Ícone Instagram

Estou aqui para te ajudar

Tel: 55 11  3058-0258 / 98655-5583 (WhatsApp)

© Copyright. Website 2020. Dr. Luis Pagotto. Todos os Direitos Reservados.